Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Federação alemã diz que FIFA "fechou todas as portas" à repetição de jogo

Lusa

  • 333

Berlim, 28 out (Lusa) - A Federação Alemã de Futebol (DFB) disse hoje que a FIFA não lhe deu "qualquer margem" para aceitar a repetição do jogo em que o Bayer Leverkusen ganhou ao Hoffenheim com um "golo fantasma", apesar de haver um precedente.

Anton Reiner, um dos responsáveis da DFB, explicou hoje que a decisão de não repetir o encontro Hoffenheim-Bayer Leverkusen era "inevitável", uma vez que a FIFA "fechou completamente todas as portas".

O "golo" de Stefan Kiessling (a bola embateu por fora nas malhas laterais mas entrou na baliza por um buraco) fez recordar um caso de há 19 anos, quando num Bayern Munique-Nuremberga a equipa de arbitragem validou um golo a Thomas Helmer quando a bola não tinha passado a linha.