Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Fazenda espanhola reconhece erro na atribuição de venda de casas a filha do rei

Lusa

  • 333

Madrid, 18 jun (Lusa) -- O Ministério da Fazenda espanhol reconheceu hoje que houve um erro na atribuição à infanta Cristina, filha do rei Juan Carlos, de operações de venda de imóveis em 2005 e 2006.

Em comunicado explica que o erro se baseia em informação recebida da Agência Tributária e que as operações tinham sido, por erro, atribuídas por aquela agência ao número de bilhete de identidade (BI) da infanta Cristina.

A infanta Cristina já tinha negado, através da Casa Real, ter realizado as operações em causa.