Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Faturação do comércio eletrónico português deverá ascender a 73,2 mil MEuro em 2017 - estudo

Lusa

  • 333

Lisboa, 23 out (Lusa) - O volume de negócios total do comércio eletrónico em Portugal deverá ascender a 73,2 mil milhões de euros em 2017, ou seja, 45% do produto interno bruto (PIB) português, segundo um estudo da IDC/ACEPI hoje divulgado.

A faturação, que inclui vendas das empresas aos consumidores (B2C), entre si (B2B) e ao Estado (B2G), foi de 39 mil milhões de euros no ano passado (25% do PIB) e o estudo "Economia Digital em Portugal 2009-2017" estima que no final do ano ascenda a 43,9 mil milhões de euros (28% do PIB).

"A economia digital tem vindo a aumentar o peso no PIB do país, à semelhança do que tem acontecido em países como Inglaterra ou Alemanha", considerou, em declarações à Lusa, Alexandre Nilo Fonseca, presidente da ACEPI - Associação do Comércio Eletrónico e Publicidade Interativa, no dia em que apresentou o estudo.