Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Falta de melhorias nos cuidados primários e pouca oferta nos paliativos - Observatório

Lusa

  • 333

Lisboa, 18 jun (Lusa) -- O Observatório Português dos Sistemas de Saúde (OPSS) denuncia a ausência de melhoramentos nos cuidados de saúde primários, apesar de estarem previstos no orçamento para 2012, e critica a escassa oferta de apoios a doentes em fase terminal.

No Relatório de Primavera 2013, intitulado "duas faces da saúde" e que será hoje apresentado, o OPSS aponta o dedo aos cuidados de saúde primários, aos cuidados paliativos e ao Plano Nacional de Saúde como as áreas menos bem-sucedidas durante o ano 2012.

Relativamente aos cuidados de saúde primários (CSP), o OPSS assinala que, apesar de as medidas do Orçamento do Estado 2012 preverem o aprofundamento dos modelos das Unidades de Saúde Familiares (USF) e a melhoria global de toda a rede, esta intenção "não parece ter sido cumprida".