Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Fábrica de peças para aeronáutica da Salvador Caetano arranca em novembro em Gaia

Lusa

  • 333

Vila Nova de Gaia, 01 set (Lusa) - A Salvador Caetano inicia em novembro a produção de peças para a indústria aeronáutica, no âmbito do contrato assinado com a Airbus, prevendo faturar 70 a 80 milhões de euros até 2018 nesta nova área de negócio.

Em entrevista à agência Lusa, o presidente da Salvador Caetano Indústria, José Ramos, adiantou que o objetivo é obter uma faturação média anual de 10 a 15 milhões de euros na área aeronáutica, o que, considerando a base atual de negócios, representará 15 a 20% da faturação da empresa.

Instalada num edifício com 7.000 metros quadrados no perímetro industrial da fábrica da Salvador Caetano em Vila Nova de Gaia, a unidade de aeronáutica tem já "uma máquina montada" e aguarda a chegada das restantes em novembro, para então arrancar a produção "em volume".