Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ex-presidente das Maldivas promete lutar após polícia cancelar eleições

Lusa

  • 333

Malé, 20 out (Lusa) - O presidente deposto das Maldivas, Mohamed Nasheed, favorito nas eleições presidenciais, manifestou-se hoje determinado a defender o processo eleitoral após a polícia impedir o escrutínio no sábado.

Os eleitores das Maldivas estavam convocados para irem às urnas no sábado para escolher o Presidente, depois de o Supremo Tribunal do arquipélago ter anulado os resultados da primeira volta, a 07 de setembro.

Mas o novo escrutínio foi suspenso pela polícia, com a justificação de que nem todos os candidatos tinham aprovado as listas eleitorais.