Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ex-general dos EUA investigado por fuga de informação sobre ciberataque contra Irão - TV

Lusa

  • 333

Washington, 28 jun (Lusa) -- Um general na reserva e antigo subchefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas dos Estados Unidos está a ser investigado por fuga de informação classificada sobre um ciberataque contra o Irão, em 2010, noticiou, esta quinta-feira, a NBC.

A cadeia televisiva, que cita fontes judiciais não identificadas, relatou que o general na reserva James Cartwright, 63 anos, está a ser investigado por ter alegadamente divulgado detalhes sobre um ataque dos Estados Unidos contra a rede de instalações nucleares do Irão com um vírus informático chamado Stuxnet.

Em junho de 2012, o diário The New York Times publicou que James Cartwright, que foi subchefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas dos Estados Unidos entre 2007 e 2011, concebeu e dirigiu a operação cibernética, com o nome de código "Jogos Olímpicos", durante a presidência de George W. Bush.