Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ex-dirigente diz que foi ameaçado de morte após detenção de Martins dos Santos

Lusa

  • 333

Gondomar, 12 mar (Lusa) - O presidente do São Pedro da Cova em 2011 disse hoje que foi ameaçado de morte nos dias que se seguiram à detenção do ex-árbitro de futebol Martins dos Santos pela Polícia Judiciária (PJ), em maio desse ano.

"Sei que me ligaram duas ou três vezes e disseram: `Vou-te matar´", afirmou Vítor Silva em tribunal, que prestou declarações no âmbito do julgamento daquele antigo árbitro por tráfico de influências e afirmou desconhecer quem o ameaçou.

A sessão foi preenchida quase na totalidade com as suas respostas às questões da sua advogada, Susana Mourão, e depois às do advogado do arguido, Carlos Duarte, também ele um antigo árbitro.