Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ex-corretor da bolsa tailandês condenado a quatro anos de prisão por falsos rumores sobre a saúde do rei

Lusa

  • 333

Banguecoque, 26 dez (Lusa) -- Um tribunal da Tailândia condenou um ex-corretor da bolsa a quatro anos de prisão por ter divulgado falsos rumores na Internet sobre a saúde do rei Bhumibol, causando a queda da bolsa de Banguecoque em 2009, informou a imprensa local.

O juiz do Tribunal Penal reduziu a pena inicial de seis anos depois de Katha Pajariyapong, de 39 anos, ter confessado os crimes durante a sua detenção em novembro de 2009, apesar de se ter declarado como inocente durante o julgamento.

Katha foi acusado do crime de lesa-majestade por ter divulgado rumores sobre a casa real tailandesa num fórum da Internet em abril e outubro de 2009, algumas semanas depois da hospitalização do rei. Uma dessas mensagens causou uma queda de oito por cento na bolsa da Tailândia a 15 de outubro de 2009.