Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ex-anestesista condenado a 14 anos de prisão por infetar pacientes com hepatite C na Austrália

Lusa

  • 333

Sydney, Austrália, 07 mar (Lusa) -- Um tribunal australiano condenou hoje um ex-anestesista a uma pena de 14 anos de prisão por ter infetado com hepatite C mais de meia centena de mulheres numa clínica onde se realizam abortos, na cidade de Melbourne.

O juiz Terry Forrest, do Supremo Tribunal do estado de Victoria, considerou James Peters culpado de uma conduta "verdadeiramente repreensível", segundo o portal do diário The Age, de Melbourne.

As 55 vítimas foram atendidas na clínica entre junho de 2008 e novembro de 2009.