Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ex-administrador do Bankia diz que só conheceu 'buraco' do banco em maio

Lusa

  • 333

Madrid, 5 nov (Lusa) -- O presidente da Caja Canarias e ex-administrador do Bankia afirmou hoje na Audiência Nacional, em Madrid, que só teve conhecimento do 'buraco' da instituição em maio quando foi anunciado o pedido de 19 mil milhões de euros de resgate.

Juan Manuel Suárez foi o primeiro de 33 ex-responsáveis do grupo BFA-Bankia a ser ouvidos na Audiência Nacional, como imputados, num caso que se prende com o processo de nacionalização da entidade financeira.

Durante a sua declaração, Suárez disse que não foi informado, em março deste ano -- quando se aprovaram as contas de 2011 -, de que a auditora Deloitte tinha levantado discrepâncias sobre esses resultados.