Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Evangelista diz que administrador da Naval "perdeu completamente a vergonha"

Lusa

  • 333

Lisboa, 18 abr (Lusa) - O presidente do Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF) considerou hoje que o administrador da SAD da Naval Mário Paiva "perdeu completamente a vergonha", ao afirmar que os seus jogadores cometeram uma ilegalidade ao recusarem treinar.

"Vir dizer que os jogadores, que não recebem há quatro meses - depois de incumprirem todos os prazos e todas as obrigações, depois de incumprirem com todas as promessas feitas, depois de cheques devolvidos do presidente da Naval -, cometeram um ato ilegal pelo facto de não treinarem, eu acho que isto é de alguém completamente desavergonhado, é perder completamente a vergonha", disse Joaquim Evangelista.

O dirigente sindical desafiou o presidente da Naval a esclarecer a situação, designadamente a vir dizer se há realmente algum investidor interessado no clube da Figueira da Foz.