Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Euronews assinala vigésimo aniversário com abertura de uma redação na Grécia

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 out (Lusa) - A Euronews vai abrir a primeira redação fora do seu 'quartel-general', em Lyon, e escolheu Atenas para a sua localização, uma iniciativa que surge à cabeça de 20 projetos hoje revelados em antecipação do vigésimo aniversário do canal.

Michael Peters, presidente executivo do canal europeu de notícias, sublinhou hoje, numa videoconferência a partir de Paris, que o canal vai nos próximos anos acentuar um posicionamento 'glocal' - que combina a abordagem noticiosa global, com um noticiário de proximidade produzido quer por redações próprias nos países onde a Euronews está implantada, quer por parceiros locais - e essa estratégia irá concretizar-se com a abertura de uma redação da Euronews na capital grega já em dezembro e uma segunda em Budapeste, Hungria, no primeiro trimestre de 2013.

Os projetos grego e húngaro serão suportados financeiramente pela Comissão Europeia. A redação grega da Euronews terá 30 jornalistas e uma dezena de técnicos e administrativos e o serviço será difundido por TDT para a Grécia e Chipre, estando ainda acessível através da internet à comunidade grega espalhada pelo mundo. Em relação ao projeto húngaro, os profissionais para a redação em Budapeste começarão a ser recrutados este mês, anunciou a Euronews.