Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Euro/Crise: Nem o Vaticano escapou ao défice em 2011

Lusa

  • 333

Cidade do Vaticano, 05 jul (Lusa) -- A cidade-Estado do Vaticano registou um défice orçamental de 14,9 milhões de euros em 2011, após um excedente em 2010, sofrendo no ano passado com a crise da dívida soberana na zona euro, anunciou hoje a Santa Sé.

"Os resultados foram afetados pelas tendências negativas nos mercados financeiros globais, que tornaram impossíveis os objetivos definidos no orçamento", disse a Santa Sé, em comunicado.

Do lado da despesa, a Santa Sé justificou o défice com os elevados gastos em funcionários e com o investimento feito na imprensa, e nem mesmo uma transferência de 50 milhões de euros do Banco do Vaticano para o papa conseguiu equilibrar as contas.