Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Euro/Crise: Itália passa sem ajudas financeiras, apesar de situação difícil, garantem Weidmann e Grilli

Lusa

  • 333

Berlim, 26 set (Lusa) - A Itália, terceira maior economia da zona euro, dispensa ajuda financeira dos parceiros europeus, garantiram hoje o ministro das Finanças italiano, Vittorio Grilli, e o presidente do banco central alemão (Bundesbank), Jens Weidmann.

"A Itália está a fazer um bom trabalho com as suas reformas estruturais e não precisa de ajudas extraordinárias", disse Grilli em conferência de imprensa, em Frankfurt, após uma reunião com o banqueiro germânico.

Weidmann sustentou também que a Itália "está em condições de resolver os seus próprios problemas, porque embora esteja em situação financeira difícil, tem um défice orçamental menor do que outros países da moeda única, um grande bem-estar e mão de obra qualificada".