Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Euro/Crise: Crise na Europa é "a maior ameaça à economia mundial" - ONU

Lusa

  • 333

Nova Iorque, 07 jun (Lusa) - As Nações Unidas consideram que a crise da zona euro continua a constituir "a maior ameaça à economia mundial" e reviram em baixa o crescimento do planeta para este ano e para 2013, segundo um relatório deivulgado hoje.

A escalada da crise pode conduzir "a graves perturbações nos mercados financeiros e a um aumento acentuado da aversão ao risco a nível mundial, levando a uma maior diminuição do crescimento mundial", lê-se no documento "World Economic Situation and Prospects 2012" (Situação de Perspetivas da Economia Mundial) relativo ao primeiro semestre.

Segundo os especialistas das Nações Unidas, o Produto Interno Bruto (PIB) mundial irá crescer 2,5 por cento em 2012 e 3,1 por cento em 2013, sendo que estas projeções supõem "uma ligeira revisão em baixa" em relação à previsão anterior, quando o aumento do PIB seria de 2,6 por cento.