Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Euro/Crise: Chipre quer ajuda sem medidas que travem crescimento - banco central

Lusa

  • 333

Nicósia, 28 jun (Lusa) - O governador do Banco Central do Chipre comprometeu-se hoje a trabalhar com o Governo para garantir que a ajuda financeira pedida aos parceiros da zona euro não inclui medidas que travem o crescimento económico.

O Banco Central vai esforçar-se para garantir que as medidas "não minem as perspetivas de crescimento económico nem [a posição] do Chipre enquanto centro financeiro", afirmou Panicos Demetriades, citado pela agência CNA.

A ajuda vai "permitir ao Chipre ultrapassar os problemas atuais e voltar a um crescimento duradouro assim que possível", acrescentou.