Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Euro/Crise: Cameron adverte para "excesso de burocracia" na União Europeia

Lusa

  • 333

Berlim, 07 jun (Lusa) - O primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, advertiu, num debate com estudantes hoje em Berlim, para o excesso de burocracia na União Europeia, sublinhando que uma identidade europeia "deve ser construída pelas pessoas, de forma razoável".

"A Europa às vezes tentou correr antes de aprender a andar", disse o primeiro-ministro inglês no encontro na chancelaria federal alemã, a convite de Angela Merkel, em que participou também o chefe de governo da Noruega, Jens Stoltenberg.

Em resposta a uma pergunta sobre a solidariedade europeia com a Grécia, a chefe do governo alemão lembrou que as verbas para ajudar Atenas atingiram cerca de 150 por cento do Produto Interno Bruto grego, lembrando que o Plano Marshall dos Estados Unidos para ajudar a Europa, após a II Guerra Mundial, perfazia apenas três por cento da riqueza que a Europa produzia.