Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

EUA: Hillary Clinton destacou "honra e valentia" de militares mortos em ataque ao consulado do país na Líbia

Lusa

  • 333

Washington, 14 set (Lusa) -- A Secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, destacou hoje a "honra" e a "valentia" dos ex-militares do país que morreram no ataque ao consulado dos Estados Unidos em Bengasi, na Líbia, pouco depois de ser conhecida a sua identidade.

Hillary Clinton assegurou que os seus "pensamentos, orações e gratidão mais profundos" estão com as famílias e amigos de Glen Doherty e Tyrone Woods, dois antigos elementos das forças especiais da Marinha que morreram terça-feira com o embaixador norte-americano na Líbia, Chris Stevens, e o diplomata Sean Smith.

"Tyrone S. Woods e Glen A. Doherty eram militares veteranos condecorados que serviram o nosso país com honra e distinção", escreveu Hillary Clinton num comunicado em que recorda que o trabalho das embaixadas só é possível graças ao "serviço e sacrifício de gente valente" como os dois falecidos.