Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

EUA: Congressistas querem leis mais duras para armas de fogo

Lusa

  • 333

Washington, 25 jul (Lusa) -- Congressistas norte-americanos desafiaram na terça-feira o 'lobby' das armas de fogo, ao apelar à classe política que endureça a legislação sobre vendas de armas, depois da matança num cinema da cidade de Aurora, no Estado do Colorado.

Quatro eleitos democratas fizeram soar o 'alarme' durante uma conferência de imprensa no capitólio, reclamando a proibição dos carregadores de grande capacidade.

Mas a menos de quatro meses das eleições presidenciais e legislativas de novembro, são poucos os eleitos disponíveis para assumir o risco político de denunciar o 'lobby' da NRA (National Rifle Association).