Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

EUA: Antigo funcionário de Madoff declarou-se culpado de fraude fiscal

Lusa

  • 333

Nova Iorque, 06 jun (Lusa) -- Um antigo funcionário de Bernard Madoff declarou-se culpado, na terça-feira em Nova Iorque, de fraude fiscal ao ter permitido o pagamento de salários a pessoas que não trabalhavam para a empresa do antigo corretor.

Craig Kugel, de 38 anos, compareceu perante um tribunal federal de Nova Iorque por falsas declarações e fraude fiscal.

Kugel pagava remunerações a três pessoas que não trabalhavam para a empresa de Madoff e admitiu também ter utilizado o cartão de crédito da companhia para pagar "200 mil dólares de despesas pessoais, entre as quais roupa de marca, joias e viagens para ele e para a família", que não eram declaradas, informou o gabinete do procurador.