Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Estudo defende "mudança radical" nos apoios à criação do próprio emprego

Lusa

  • 333

Coimbra, 28 out (Lusa) -- Um estudo desenvolvido nos últimos três anos por investigadores da Universidade de Coimbra (UC) defende "uma mudança radical" das políticas de resposta aos desempregados.

"É necessária uma mudança profunda nas políticas de resposta às pessoas que se encontram em situação de desemprego", concluiu uma investigação desenvolvida "ao longo dos últimos três anos, por uma equipa multidisciplinar de dez investigadores" daquela instituição, afirma uma nota da UC hoje divulgada.

A formação profissional é uma das áreas que tem de ser repensada, afirmam os especialistas, sustentando que é necessária uma "formação pragmática".