Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Estados-membros lentos a responder ao aumento do tráfico de seres humanos na UE

Lusa

  • 333

Bruxelas, 15 abr (Lusa) -- A Comissão Europeia apontou hoje que são cada vez mais numerosas as vítimas de tráfico de seres humanos dentro da União Europeia e manifestou a sua "desilusão" por os Estados-membros estarem a ser "lentos" a responder a este fenómeno.

De acordo com números da Comissão Europeia -- resultantes do primeiro relatório sobre tráfico de seres humanos na Europa -, mais de 23 mil pessoas foram vítimas identificadas ou presumíveis de tráfico no espaço comunitário entre 2008 e 2010, tendo havido um aumento de 18% do número de vítimas mas um decréscimo do número de condenações por esse crime (menos 13%).

Segundo o relatório, o número de vítimas identificadas em Portugal foi de 25 em 2008, 24 no ano seguinte e apenas 8 em 2010.