Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Especialistas discutem necessidade de criar "via verde" para vítimas de acidentes traumáticos

Lusa

  • 333

Porto, 26 out (Lusa) - O médico anestesista do Hospital de S. João do Porto e coordenador pedagógico de um projeto de Estudos Avançados em Trauma, Salvador Massada, defendeu hoje a criação de uma "via verde" para responder melhor às vítimas dos acidentes traumáticos.

O especialista considera que, "para se cumprirem as normas da Ordem dos Médicos para o tratamento de traumatizados, é necessário concentrar recursos" e evitar que um acidentado seja enviado para o hospital mais próximo para depois, em muitos casos, por falta de meios, ser transferido para um centro hospitalar com os meios necessários para o tratar, correndo o risco de morrer no percurso.

Salvador Massada será um dos oradores nas "I Jornadas Internacionais de Trauma", sob o tema "Trauma e Sociedade", que se realizam no sábado na Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário (CESPU), no campus universitário de Gandra, Paredes.