Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Espancamento de ministro "evidencia espiral de violência" na Guiné-Bissau -- Liga Direitos Humanos

Lusa

  • 333

Bissau, 06 nov (Lusa) - A Liga Guineense dos Direitos Humanos (LGDH) considerou hoje que o espancamento de um membro do Governo de transição "evidencia de forma inequívoca a espiral de violência e insegurança generalizada" na Guiné-Bissau.

Em comunicado, a LGDH denuncia a agressão de um dos ministros de Estado do Governo de transição da Guiné-Bissau, Orlando Viegas, que foi espancado por desconhecidos na última noite, tal como avançaram à agência Lusa fontes governamentais e das Nações Unidas.

Aquele membro do executivo, dirigente nacional do PRS - Partido da Renovação Social, tem a pasta dos Transportes e Comunicações e é um dos três ministros de Estado do Governo de transição guineense.