Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Equador emite novas regras para uso de mala diplomática, após escândalo relacionado com droga

Lusa

  • 333

Quito, 08 jan (Lusa) - O ministério dos Negócios Estrangeiros do Equador anunciou, esta segunda-feira, um novo regulamento para o uso da mala diplomática, depois do escândalo, que estalou no ano passado, em que foi descoberta droga num pacote oficial enviado para Itália.

O chefe da diplomacia equatoriano, Ricardo Patiño, disse, em conferência de imprensa, que o novo regulamento incorpora novos controlos nos procedimentos para o embarque da mala de forma a evitar que situações idênticas se repitam.

No início do ano passado, as autoridades italianas descobriram 13,5 quilogramas de cocaína em estado líquido, escondidos em vasilhas de promoção cultural, os quais foram localizados na mala diplomática procedente do Equador com destino ao seu consulado em Milão.