Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ensino superior: Cantinas universitárias adequam preços aos tempos de crise - estudo

Lusa

  • 333

Porto, 10 set (Lusa) -- Um estudo sobre cantinas universitárias constata a prática, maioritária, de preços abaixo dos valores mínimos referidos em portaria e associa o facto ao quadro de debilidade económica das famílias portuguesas.

O estudo da Federação Académica do Porto, hoje facultado à agência Lusa, indica que, em 23 de 28 casos analisados, o preço praticado situa-se entre 2,05 e 2,40 euros, abaixo do valor considerado em portaria de 2002, que é de 2,425 euros (0,5 por cento do Salário Mínimo Nacional).

"O facto de possibilitar refeições tão basilares como a do almoço, a custo relativamente baixo, não deve ser desenquadrado da situação económico-financeira vivida pelas famílias portuguesas", lê-se nas considerações finais do trabalho.