Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Enfermeiros interpõem providência suspensiva a despacho sobre emergência pré-hospitalar

Lusa

  • 333

Redação, 18 jan (Lusa) -- A Ordem dos Enfermeiros apresentou hoje uma providência cautelar, com efeitos suspensivos imediatos, contra o despacho que permite aos técnicos de ambulância prestarem cuidados de emergência médica pré-hospitalar.

"A Ordem dos Enfermeiros (OE) entregou hoje, no Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa, a providência cautelar com efeitos suspensivos imediatos do Despacho n.º 16401/2012, de 26 de dezembro", refere comunicado da ordem.

O despacho, juntamente com n.º 13794/2012 de 24 de outubro, permite agora que os "Técnicos de Ambulância e Emergência (TAE) prestem cuidados, até agora reservados a enfermeiros e a médicos, colocando em risco a saúde da população", critica aquela entidade.