Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Enfermeiros devem declinar propostas de lares ilegais e denunciá-los - Ordem

Lusa

  • 333

Redação, 02 abr (Lusa) -- A Ordem dos Enfermeiros (OE) apelou hoje aos seus profissionais para que "não pactuem" com lares ilegais, devendo por isso "declinar propostas" que tenham essa origem e "denunciar a sua existência".

"É imperativo que os enfermeiros não pactuem com este flagelo. Os membros da OE devem, pois, declinar propostas oriundas de lares ilegais e denunciar a sua existência. Assim não serão coniventes com os transgressores nem com as ilegalidades praticadas", refere o vice-presidente da OE, em comunicado hoje divulgado.

Para Bruno Noronha, "a credibilidade e dignidade da profissão pode estar em causa sempre que um lar ilegal apresenta como critério de qualidade e confiança a disponibilização de cuidados de enfermagem", razão pela qual os profissionais não devem aceitar trabalhar nessas condições.