Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Enfermeiros advertem que aumento do horário do trabalho penaliza doentes

Lusa

  • 333

Lisboa, 28 set (Lusa) -- O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) considerou hoje que o aumento do horário de trabalho para 40 horas semanais vai refletir-se na qualidade dos cuidados prestados aos doentes e promete recorrer junto do tribunal para tentar travar a legislação.

"Os enfermeiros, tal como todos os outros trabalhadores que vão passar das 35 para as 40 horas de trabalho semanais, não o devem fazer porque é um aumento da exploração e o valor do trabalho é desvalorizado", afirmou a representante do SEP, Isabel Barbosa.

A representante do sindicato falava aos jornalistas junto ao Hospital de Santa Maria, em Lisboa, onde foi colocada pelo SEP uma faixa preta como para assinalar o protesto destes profissionais de saúde contra o aumento do horário de trabalho.