Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Energia: Secretário de Estado espera que depois da crise país esteja mais competitivo

Lusa

  • 333

Funchal, 01 jun (Lusa) -- O secretário de Estado da Energia, Artur Trindade, manifestou hoje o desejo de que depois da crise o país esteja mais competitivo e recorra mais a fontes energéticas com menor peso ambiental.

"Em termos energéticos, espero que esteja mais competitivo", afirmou Artur Trindade aos jornalistas, à margem da Expo Energias, iniciativa que termina no sábado, no Funchal.

O governante expressou vontade de que Portugal "recorra à energia com menos peso ambiental e de carater endógeno", destacando: "É também fundamental que o faça de forma competitiva para que as famílias que consomem energia não sintam tanto o peso da fatura da energia nos seus rendimentos e para que as nossa empresas (...) diminuam o peso que a energia tem nos seus custos ou, pelo menos, que eles não aumentem tanto como estavam para aumentar antes de nós tomarmos posse no Governo".