Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Encargos do Estado com PPP de quatro hospitais são 6.000 ME mais caros - TdC

Lusa

  • 333

Lisboa, 28 jul (Lusa) -- Uma auditoria do Tribunal de Contas aos encargos com as Parcerias Público Privadas (PPP) de quatro hospitais concluiu que não estão a ser contabilizados cerca de 6.000 milhões de euros relativos a 20 anos de serviços clínicos.

Esta análise do Tribunal de Contas (TdC) incidiu sobre os encargos com as Parceiras Público Privadas (PPP) dos hospitais de Braga, Vila Franca de Xira, Cascais e Loures, bem como as PPP do Centro de Medicina Física e Reabilitação do Sul e do Centro de Atendimento do Serviço Nacional de Saúde.

Foram analisados os encargos no período 2007-2012 e sobre aqueles que se prevê ocorrerem até ao final dos contratos em curso: 2013 a 2042.