Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Empresas norte-americanas já podem anunciar resultados nas redes sociais

Lusa

  • 333

Redação, 04 abr (Lusa) - O regulador do mercado norte-americano, equivalente à portuguesa CMVM, anunciou que as empresas podem usar redes sociais, como o Facebook ou o Twitter, para divulgar factos relevantes desde que alertem os investidores previamente.

O regulador (Securities and Exchange Commission, ou SEC, na sigla inglesa) encerrou desta forma o inquérito instaurado contra a Netflix por infringir as regras de divulgação de informações empresariais, esclarecendo que a empresa de serviços de 'streaming' de vídeo e outras cotadas em bolsa podem comunicar factos relevantes através do Facebook, Twitter e outras redes sociais, com algumas limitações.

No relatório que resultou da investigação à Netflix, a SEC considera que muito mudou desde que emitiu regras em 2008 para evitar que as empresas libertem "seletivamente" informação que não foi tornada pública e adianta que cada caso deve ser analisado para assegurar que os factos relevantes são divulgados adequadamente.