Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Embaixadas estrangeiras permanecem em Pyongyang, apesar de pedido de retirada

Lusa

  • 333

Seul, 06 abr (Lusa) - As embaixadas estrangeiras permanecem em Pyongyang e não existem sinais de que vão deixar o país, um dia depois do regime norte-coreano de Kim Jong-un ter aconselhado os diplomatas a saírem por questões de segurança, segundo fontes sul-coreanas.

Funcionários do Governo sul-coreano afirmaram, em declarações divulgados pela agência local Yonhap, que "nenhuma missão estrangeira se está a preparar para sair" da capital da Coreia do Norte.

Entre os países que têm uma embaixada em Pyongyang, encontram-se a Rússia, a Alemanha, o Reino Unido, China, Irão, Cuba, Brasil, Suécia, Polónia, República Checa, Bulgária, Roménia, Índia, Paquistão e Síria.