Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Emanuel Silva "triste" com Pimenta, mas quer companheiro e Portela de volta à seleção

Lusa

  • 333

Duisburgo, Alemanha, 02 set (Lusa) - O canoísta Emanuel Silva admite "tristeza" pela forma como Fernando Pimenta acabou com o K2 1.000 vice-campeão olímpico, mas apela ao regresso à seleção do seu antigo companheiro e Teresa Portela, que se autoexcluíram dos Mundiais.

"Obviamente que a situação não foi muito fácil para mim. Num ano sou vice-campeão olímpico e no seguinte uma situação negra para a tripulação. Obviamente, não podia prejudicar a minha época com essa situação. Tinha que olhar em frente. Tive pessoas a ajudar-me e tentei superar essa situação da melhor forma possível para não afetar o Campeonato do Mundo", disse à agência Lusa.

O campeão do Mundo K2 500, domingo, com João Ribeiro, prefere não especificar ou divulgar os motivos do descontentamento com o seu ex-colega de tripulação: "Não me pronuncio. Continuo a falar com ele. Se teve boas atitudes ou não, ele próprio poderá dizer. Tenho as minhas opiniões, vão ficar comigo, não as vou transmitir a ninguém. Obviamente que fiquei um bocado triste pela forma como as coisas aconteceram".