Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Egito: Juros da dívida caem para 8,4% depois de ajuda de 10 mil milhões

Lusa

  • 333

Cairo, 12 jul (Lusa) - As taxas de juro exigidas pelos investidores para negociarem títulos de dívida pública do Egito desceram para os 8,4%, o nível mais baixo desde junho, indiciando que os quase 10 mil milhões de euros prometidos já tiveram resultados, segundo a Bloomberg.

Ao final do dia de quinta-feira, os juros exigidos pelos investidores para negociarem títulos de dívida pública emitidos pelo Egito desceram para os 8,4%, o nível mais baixo desde 6 de junho, medido como cotação de fecho, e citado pela agência financeira Bloomberg, que destaca a descida de 0,69 pontos no seguimento da oferta de 12 mil milhões de dólares (9,2 mil milhões de euros] por parte da Arábia Saudita, Kuwait e Emirados Árabes Unidos, esta semana, em empréstimos, depósitos e produtos petrolíferos.

Dando mais um sinal de que, pelo menos para os mercados, a situação no país está bem encaminhada, o risco de incumprimento financeiro desceu para o valor mais baixo dos últimos 30 dias, motivado pela convicção de que o Governo interino, liderado por Hazem al-Beblawi, a braços com o pior desempenho económico das últimas duas décadas, vai conseguir inverter a tendência.