Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Egito: Irmandade Muçulmana apela à revolta

Lusa

  • 333

Cairo, 08 jul (Lusa) -- A Irmandade Muçulmana do Egito apelou hoje à "revolta", depois de dezenas de apoiantes daquele movimento terem sido mortos perto do quartel-general das forças de elite do exército, no Cairo.

A Irmandade Muçulmana pediu também a intervenção internacional para evitar uma "nova Síria".

O partido da Justiça e da Liberdade, braço político da Irmandade Muçulmana, apelou, numa declaração escrita citada pela agência France Presse, a "uma revolta levada a cabo pelo grande povo do Egito, contra aqueles que tentam roubar-lhes a revolução com tanques".