Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Egito: Amnistia Internacional reclama investigação aos confrontos sangrentos

Lusa

  • 333

Londres, 17 ago (Lusa) -- A Amnistia Internacional lançou um apelo para que seja realizada uma investigação "completa e imparcial" aos confrontos dos últimos dias no Egito, considerando que a resposta das autoridades foi "desproporcionada".

A organização de defesa dos direitos humanos, sedeada em Londres, pretende que especialistas das Nações Unidas sejam autorizados a investigar a crise no Egito.

A Amnistia Internacional constatou no terreno que as forças de segurança fizeram uso de "armas letais injustificadas" e que não respeitaram a promessa de permitir que os feridos fossem retirados em total segurança.