Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

EDP investe quase 1,6 ME na requalificação do património cultural do vale do Tua

Lusa

  • 333

Bragança, 21 mai (Lusa) - Vários monumentos da área de abrangência da barragem de Foz Tua, em Trás-os-Montes, vão ser requalificados e valorizados no âmbito de um projeto financiado pela EDP em quase 1,6 milhões de euros, foi hoje divulgado.

A iniciativa resulta das contrapartidas da elétrica nacional à região do Vale do Tua e será oficializada sexta-feira numa cerimónia em Mirandela, para oficializar o protocolo que rege a intervenção e que envolve a EDP, a Direção Regional da Cultura do Norte (DRCN), e a Agência de Desenvolvimento Regional do Vale do Tua -- Associação ADRVT.

De acordo com informação divulgada pelos promotores, "a EDP vai financiar com uma verba de 1,58 milhões de euros o projeto de valorização do património cultural localizado nos municípios abrangidos pela Aproveitamento Hidroelétrico de Foz Tua", nomeadamente os de Alijó, Carrazeda de Ansiães, Mirandela, Murça e Vila Flor.