Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

ECA diz que ideia do "Qatargate" é "absolutamente falsa"

Lusa

  • 333

Doha, 06 fev (Lusa) - A Associação Europeia de Clubes de Futebol (ECA) rejeitou hoje a existência de um "Qatargate", considerando "absolutamente falsa" a acusação de que o emirado "comprou" a organização do Mundial2022.

"Sobre esses rumores e essas informações curiosas, e segundo tudo o que li, tudo o que vi e tudo o que sei, é tudo absolutamente falso", sustentou o vice-presidente da ECA e presidente do FC Barcelona, Sandro Rosell, em Doha, no Qatar, à saída de uma assembleia-geral da ECA.

Sandro Rosell mostrou-se "muito triste" por verificar que "os media, cujo objetivo deveria ser o de informar, desinformam na realidade a opinião pública".