Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

É preciso uma nova forma de nomear administrações da RTP - António Pedro de Vasconcelos

Lusa

  • 333

Setúbal, 16 abr (Lusa) - O cineasta António Pedro de Vasconcelos defendeu hoje uma nova forma de nomeação das administrações da RTP de forma a garantir mais competência e isenção na prestação do serviço público de televisão.

"Gerir a televisão pública não é a mesma coisa que gerir uma fábrica de cervejas", disse o cineasta, que falava numa conferência sobre "Serviço Público e Democracia", integrada na `Semana da Comunicação Social´, organizada por alunos do Curso de Jornalismo da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal.

Defensor acérrimo da manutenção do serviço público de televisão, António Pedro de Vasconcelos defendeu a necessidade de um bom serviço público de televisão, como forma de obrigar os operadores privados a apresentarem também uma programação com o mínimo de qualidade.