Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Droga: Antigos líderes mundiais alertam que políticas de combate agravam propagação da SIDA

Lusa

  • 333

Londres, 26 jun (Lusa) - Seis antigos presidentes e personalidades como Richard Branson e Javier Solana apelam a uma mudança da política de combate à droga, considerando que a abordagem repressiva agrava a propagação da SIDA.

"A guerra mundial contra a droga acelera o HIV/SIDA entre os consumidores de droga e os seus parceiros sexuais", denuncia a Comissão Mundial sobre Políticas de Droga, num relatório apresentado em Londres a um mês da realização de uma conferência internacional sobre a SIDA, a "AIDS 2012", em Washington.

De acordo com o documento, os "estudos realizados por todo o mundo revelam de forma constante que as políticas repressivas de combate à droga impedem o acesso de consumidores de droga aos serviços públicos de saúde e mantêm-nos em ambientes marginais onde o risco de infeção por HIV é muito elevado".