Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Dores musculares no final levaram Dulce Félix a perder vários lugares em Boston

Lusa

  • 333

Boston, Estados Unidos, 15 abr (Lusa) - A quebra de Dulce Félix nos quilómetros finais da Maratona de Boston, em que caiu do primeiro para o nono lugar, deveu-se a dores musculares, explicou a atleta portuguesa, no final da corrida.

"O ritmo não ia rápido e o grupo (da frente) passou com mais de 1:14 (horas) à meia-maratona. Achei que devia arriscar, porque já não dava para fazer marca", disse Dulce Félix, que terminou com 2:30.05, a mais de quatro minutos do seu recorde pessoal.

Dulce Felix passou para a frente entre os 26 e os 38 quilómetros e quebrou na parte mais difícil do percurso, tendo sido ultrapassada nos quatro quilómetros finais por oito adversárias. "Aos 38 km, comecei a sofrer muitas dores musculares e não aguentei o ritmo. No entanto, continuei a lutar até ao fim, porque queria mesmo acabar a prova!", destacou.