Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Dono da Avianca só volta a falar da TAP depois de Governo se pronunciar

Lusa

  • 333

Bogotá, 17 abr (Lusa) - O empresário colombiano Germán Efromovich, dono da Avianca, disse hoje em Bogotá que só voltará a falar da privatização da TAP depois de o Governo português se pronunciar.

"Não se fala de TAP enquanto o Governo não se pronunciar", afirmou Efromovich, em declarações aos jornalistas à margem do seminário económico Portugal/Colômbia, que decorreu hopje manhã em Bogotá.

Questionado sobre o apreço manifestado pelo Presidente colombiano pela Avianca, o empresário gracejou, disse que não é apenas o chefe de Estado, mas também os passageiros que têm apreço pela sua empresa e reconheceu ficar satisfeito.