Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Dois feridos graves em atentado à bomba no sul da Tailândia

Lusa

  • 333

Banguecoque, 31 jul (Lusa) -- Dois polícias ficaram gravemente feridos hoje na sequência da explosão de uma bomba no sul da Tailândia, onde a retoma da luta armada pelo movimento separatista muçulmano, em 2004, já causou mais de 5.000 mortos.

A bomba estava camuflada numa estrada rural que une as localidades de Thung Ka e Lam Mai, na província de Yala, e foi detonada por controlo remoto à passagem dos agentes da polícia, segundo as primeiras investigações citadas pela imprensa local.

Fontes policiais atribuíram a autoria do ataque aos rebeldes muçulmanos, segundo a imprensa tailandesa.