Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Dois dirigentes da BP acusados homicídio involuntário no desastre Golfo México

Lusa

  • 333

Washington, 15 nov (Lusa) -- Dois dirigentes da petrolífera BP foram acusados de homicídio involuntário e violação de legislação de proteção do ambiente, na sequência da maré negra no Golfo do México, anunciou hoje o ministro da Justiça dos EUA, noticia a AFP.

Eric Holder, que apresentou em Nova Orleães o acordo entre as autoridades norte-americanas e a petrolífera britânica, acrescentou que um terceiro dirigente foi acusado de mentir ao Congresso dos EUA.

Esta catástrofe ecológica causou 11 mortos em abril de 2010.