Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Diretor-geral do Banco do Vaticano apresentou demissão do cargo

Lusa

  • 333

Vaticano, 01 jul (Lusa) - O diretor-geral do Banco do Vaticano, Paolo Cipriani, e o seu adjunto, Massimo Tulli, apresentaram hoje demissão, que já foi aceite pela comissão de controlo da instituição bancária, anunciou hoje o Vaticano.

De acordo com a instituição, as suas funções serão asseguradas interinamente pelo atual presidente do banco, Ernst von Freyberg.

O Banco do Vaticano, que tem a designação de Instituto das Obras Religiosas (IOR), tem sido palco de polémica nas últimas semanas devido a suspeitas de branqueamento de capitais.