Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Diretor desportivo do Freamunde defende que em Itália o clube estaria na primeira divisão

Lusa

  • 333

Freamunde, 24 nov (Lusa) - O diretor desportivo do Freamunde, Hilário Leal, destacou hoje a grandeza do clube da II Liga e defendeu que em Itália, onde fez carreira de futebolista, a seriedade da formação freamundense valia um lugar na primeira divisão.

"Em termos desportivos, as coisas não estão bem, mas o Freamunde é um clube grande e sério, e, em nome dessa seriedade, estaria na primeira divisão em Itália há muito tempo", disse Hilário, de 38 anos, à agência Lusa.

O diretor desportivo justificou a opinião a partir da sua experiência de cinco anos no "Calcio", em representação do Perugia e, mais tarde, do Sambenedettese, da II B, e lembrou que "existe uma ideia de máfia associada ao futebol em Itália, mas lá um clube incumpridor é castigado, independentemente de ser o Inter ou a Juventus".