Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Diplomacia: Paulo Portas defende cooperação e não confrontação entre o Ocidente e a China

Lusa

  • 333

Xangai, 02 jul (Lusa) - O ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros de Portugal, Paulo Portas, defendeu hoje uma "relação de cooperação e não confrontacional" entre o Ocidente e a China.

"Ninguém compreenderá o século XXI sem compreender a China. (...) Nós olhamos para a China sem preconceitos e respeitamos as diferenças", disse Paulo Portas na abertura de um seminário económico em Xangai.

Num discurso de cerca de 15 minutos perante uma centena de empresários dos dois países, Paulo Portas realçou que Portugal e a China "tiveram sempre uma relação pacífica" ao longo de cinco séculos.