Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Diclismo: Doping - Presidente da AMA diz que Armstrong reconheceu que acusações "tinham substância"

Lusa

  • 333

Brisbane, Austrália (Lusa) -- O presidente da Agência Mundial de Antidopagem (AMA), John Fahey, afirmou hoje que o fato de Lance Armstrong ter desistido de lutar contra as acusações de doping é o reconhecimento que as mesmas "tinham substância".

Em declarações à agência Associated Press, John Fahey considerou que a Agência Antidopagem dos Estados Unidos (USADA) agiu de forma correta ao retirar os sete títulos conquistados na Volta à França e irradiar o norte-americano.

"[A USADA] Tem agora o direito de aplicar as sanções que serão reconhecidas por todos os países que se regulam pelo código da AMA", explicou o dirigente.